24 março, 2011

Colo de irmã

Marido costuma dizer que eu tenho três mães, porque além de ser a caçula, a diferença de idade entre mim e as minhas irmãs é bem grande. E, bem... quando eu era adolescente, era bem isso que parecia mesmo... que tinha três Marias-Mandonas para me controlar: Donana e as duas Marias.

O tempo passa, a gente se dá conta do quão tontos éramos na adolescência e agora eu as vejo como o meu porto-seguro, as únicas pessoas cuja opinião realmente importa, aquelas que eu nunca quero decepcionar e, exatamente por isso, me esforço para ser uma pessoa melhor a cada dia.

Mês passado a Maria 2, como Donana costuma chamar, pegou um avião, atravessou o Atlântico e pousou aqui em Lisboa. Se tem uma expressão que define o quanto foi bom tê-la por perto é: colo de irmã!

Levá-la para conhecer cada um dos meus cantinhos preferidos em Lisboa, dividir a minha casa - tipo mostrar o quão adulta eu virei - e depois ainda dar um "pulinho" em Paris foi muito, muito especial.

Minha Maria, no Castelo S. Jorge, vendo Lisboa do alto
Em Cascais
Dispensa legenda :)

Amor infinito

2 comentários:

Erica Moreira disse...

Kelli,

Que delíciaaaaaa! Vc está muito chique!!!

Regiane disse...

olá!
Fiquei encantada com sua postagem e também com as fotos.

Nada como um colo de irmã!
um grande abraço aqui do Brasil.
Regiane